Skip to content

Equilibre a sua vida… – Olhe Pela Sua Bolsa!!! (3)

2011/02/17

O equilíbrio da nossa vida passa não só pelos factores emocionais e físicos, como vimos já noutros artigos, como também pelos financeiros. Trata-se de mais um factor que contribui sobremaneira para o nosso bem-estar e a nossa felicidade, devido ao peso que tem nesta nossa balança do deve e do haver.

Ter estabilidade financeira significa,  mais que nunca, ter saúde equilibrada a todos os níveis. Até porque mais dinheiro no bolso, na carteira ou no banco 🙂 traduz-se em  maior conforto para quem o tem e sabe, claro, fazer uso dele… 

Antes de mais, é preciso ser-se comedido nos gastos – actualmente, mais que nunca. Por isso  devemos aprender a gastar menos do que aquilo que  ganhamos. Vivermos a crédito, seja de quem for, é hoje – como sempre foi – uma opção péssima, a meu ver.Partindo do princípio de que sabe gerir o seu dinheiro e que, mesmo assim, não vê perspectivas de melhorar a sua situação financeira, há que pensar seriamente em arranjar uma fonte alternativa de rendimentos. 

Quem sabe se uma actividade em simultâneo com aquela que já desenvolve, poderá ser a solução para os “problemas” financeiros que agora enfrenta, mercê do aumento das suas despesas? E aqui poderá procurar um segundo emprego, trocando horas de descanso ou lazer por horas de trabalho acrescido… 

Ou, então, que tal uma actividade própria, onde será retribuído pelo trabalho que desempenhar e não pelo “valor hora” que trabalhar? Ser reconhecido pelo que realiza e produz, em vez de ser pago “pela mesma bitola” em que todos os profissionais da sua área o são? 

Já imaginou poder alcançar a independência financeira num espaço de tempo mínimo que pode ir de 3 a 5 anos desenvolvendo o seu próprio negócio, mesmo em part-time? Pois é, se pensar na reforma que demora em chegar (ou poderá até nem chegar!) ou nos apoios que tardam, nunca vai ter uma vida financeira condigna e desafogada… Se até aqui fez sacrifícios para “sobreviver à crise”, provavelmente irá continuar a fazê-los e pouco ou nada melhorará, certo? A não ser que tome algumas medidas para ganhar, conservar e multiplicar o seu dinheiro, tais como por exemplo:

– poupar dinheiro, todos os meses, evitando gastos supérfluos;

– avaliar o tempo livre de que dispõe e investi-lo num emprego em tempo parcial, afim de obter um dinheiro extra para as suas poupanças;

– ou ainda iniciar uma actividade por conta própria, também a “meio tempo”, preenchendo as horas que lhe sobram, e que lhe permitirá obter um dinheiro extra para as suas economias. 

Caso não se encontre de  momento a desempenhar qualquer actividade profissional, mais uma razão para deitar mãos à obra e estabelecer-se por sua conta, com um negócio próprio, afim de equilibrar a sua vida e alcançar a saúde financeira que tanto merece.

Decida-se… pela sua saúde!

Anúncios

From → Bem-Estar

Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: